Soluções anti-caspa para o seu couro cabeludo

 

Quantas vezes já vestiu um casaco de tons escuros e passado um tempo olhou para os ombros e viu pequenos flocos brancos? Estima-se que este problema afete metade da população mundial, com clara influência na auto-estima. 

 

Falamos de caspa, uma condição bem conhecida de muita gente. Certamente que em algum momento da sua vida já foi afetado por estes flocos brancos que são bastante incómodos. Conhecer bem os sintomas para identificar o problema e descobrir as suas causas é meio caminho para a chegar à solução ideal que, na maioria dos casos, passa pela utilização de um champô anti-caspa. 

 

Quer conhecer opções de champôs anti-caspa para solucionar o seu problema e também dicas para prevenir o reaparecimento? Continue a ler. 

 

O que é a caspa?

 

A caspa é uma forma leve de dermatite seborreica que afeta principalmente o couro cabeludo. 

 

Como surge a dermatite seborreica? A pele do couro cabeludo está em constante renovação: são produzidas novas células e acontece a descamação de tecido morto. Este é um processo diário que passa despercebido à maioria das pessoas. Em algumas pessoas este processo de renovação está acelerado e grandes quantidades de pele morta são descoladas, originando escamas em forma de flocos brancos a que se chama caspa. 

 

Um estudo publicado em 2015 pela National Library of Medicine estimava que este é um problema mais comum em homens do que em mulheres (3% comparativamente com 2,6% das mulheres em todas as faixas etárias). 

 

O que pode provocar a caspa?

 

Apesar de as causas da caspa não estarem definidas a 100%, existem alguns fatores que estão diretamente relacionados com o problema:

 

  • Genética;

  • Oleosidade excessiva no couro cabeludo;

  • Uso frequente de chapéus;

  • Stress e ansiedade;

  • Lavar a cabeça com água demasiado quente;

  • Acumulação de cremes e produtos no couro cabeludo;

  • Má higiene do couro cabeludo;

  • Presença de um fungo microscópico chamado Malassezia;

 

Quais os principais sintomas?

 

O principal sintoma da caspa é bem conhecido. 

 

Se sente comichão forte e persistente ao longo do dia e encontra pequenos e finos flocos brancos que descamam da pele, está perante os primeiros sintomas de caspa. Mas existem outros sintomas que podem indiciar a presença de caspa, tais como vermelhidão, irritação, secura, escamas amarelas e oleosas ou perda de cabelo. 

 

Habitualmente os sintomas intensificam-se perante situações de stress ou ansiedade e tendem a piorar nas estações frias e secas. 

 

Caspa oleosa vs Caspa seca

 

Existem dois tipos de caspa: caspa seca e caspa oleosa. Mas, quais as diferenças entre elas?

 

A caspa oleosa apresenta flocos maiores de cor amarelada e verifica-se quando a descamação fica agarrada ao couro cabeludo. Alguns flocos podem escorrer para os fios de cabelo, mas em pequena quantidade. A olho nú verifica-se a aparência de cabelo sujo.

 

Já no caso da caspa seca, os flocos são menores e mais esbranquiçados. Normalmente acompanham um couro cabeludo ressequido e avermelhado. Solta-se totalmente do couro cabeludo e assim as descamações ficam perfeitamente visíveis, por vezes até nos ombros e na roupa. 

 

Estes dois tipos de caspa implicam formas de tratamento diferentes que veremos de seguida. 

 

Como tratar a caspa?

 

Por ser um problema incómodo e muitas vezes visível, certamente que já se questionou como acabar com a caspa. Apesar de não ter cura definitiva, a caspa pode ser controlada com o uso de champôs anti-caspa que tenham como princípios ativos o zinco, cetoconazol, selénio, alcatrão e ácido salicílico. 

 

A escolha do champô anti-caspa mais indicado vai variar de acordo com o seu tipo de caspa. Assim, sugerimos três opções de champô anti-caspa para tratar cada um dos tipos de caspa.

 

Sugestões de champôs anti-caspa seca

 

  1. Klorane Capuchinha

Klorane Capuchinha

 Tendo como principal ingrediente ativo o extrato de capuchinha, este anti-caspa está especialmente desenvolvido para eliminar a caspa seca que se solta facilmente do cabelo. 

 

  1. La Roche Posay Kerium Caspa Seca

 

 

La Roche Posay Kerium Caspa Seca


Este champô anti-caspa exerce uma micro-exfoliação fina e intensa para eliminar a caspa e regularizar a descamação. O complexo purificador limpa o couro cabeludo e opõe-se à formação de caspa. A glicerina hidratante luta contra o ressequimento do couro cabeludo.

  1. Ducray Squanorm Caspa Seca


Ducray Squanorm Caspa Seca

Um cuidado anti-caspa que elimina de forma duradoura a caspa seca não aderente e purifica o couro cabeludo. 

 

Três opções de champôs anti-caspa oleosa

 

  1. Dercos Anticaspa Oleosa

Dercos Anticaspa Oleosa


Uma opção anti-caspa que regula a microbiota e remove 100% caspa visível. Assim, o couro cabeludo recupera a sua saúde, a caspa é eliminada e a descamação controlada. 

 

  1. La Roche Posay Kerium Caspa Oleosa

La Roche Posay Kerium Caspa Oleosa

Este champô gel anti-caspa exerce uma micro-exfoliação fina e intensa para eliminar a caspa e regular a descamação. Além disso, o zinco controla a secreção de sebo, purificando o couro cabeludo. 

 

  1. Trikare Z Caspa Seboregulador 

 Trikare Z Caspa Seboregulador

O Trikare Z está indicado no controlo dos estados de seborreia, descamação e irritação do couro cabeludo. Tem a eficácia de um anti-caspa e dá estrutura ao cabelo enfraquecido e danificado. 

 

6 dicas para prevenir a caspa

 

Se já conseguiu resolver o seu problema de caspa, certamente que quer evitar que esta surja novamente no futuro. Deixamos algumas dicas para prevenir:

 

  1. Evitar o uso de champô seco. 

O champô seco tem como objetivo absorver a humidade do cabelo e, por isso, por vezes o couro cabeludo fica ressequido, o que aumenta a probabilidade de criar caspa.

  1. Secar o cabelo corretamente. 

Quando o cabelo fica húmido muito tempo torna-se o ambiente perfeito para a proliferação de fundos que potenciam a descamação. 

  1. Controlar a alimentação e evitar alimentos ricos em gorduras.

Os alimentos ricos em gorduras, como os fritos, estimulam a produção de sebo e, consequentemente de caspa. Além disso, deve apostar em alimentos anti-inflamatórios. 

  1. Evitar tratamentos capilares químicos.

Pinturas, alisamentos, escovas progressivas ou outro tipo de tratamentos químicos capilares podem conter substâncias fortes que potenciam a descamação de pele. 

  1. Diminuir a temperatura da água.

A água quente estimula a produção sebácea, provocando caspa. Assim, a recomendação é lavar o cabelo com água morna ou fria. 

  1. Utilizar produtos capilares corretamente. 

A utilização de alguns produtos, como máscaras, séruns ou condicionadores, muito próximo do couro cabeludo pode provocar a obstrução e irritação dos poros, aumentando a oleosidade e a probabilidade de desenvolver caspa. 

 

Sofre com caspa, seja oleosa ou seca? Na Farmácia Loureiro Basto temos uma vasta gama de produtos capilares anti-caspa que pode escolher de acordo com as suas necessidades. 


Além disso, a nossa equipa, com mais de 30 anos de experiência, consegue ajudá-lo em todas as suas dúvidas e questões sobre o tema. A nossa farmácia, apesar de situada em Braga, faz envios para todo o país (ilhas incluídas) em apenas 2 dias úteis.